O Fim do DOC e TEC – A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) anunciou recentemente que os bancos encerrarão as operações de transferências por Documento de Ordem de Crédito (DOC) e Transferência Especial de Crédito (TEC) até 29 de fevereiro de 2024. Essa decisão representa uma mudança significativa no cenário financeiro brasileiro, impulsionada pelo declínio no uso dessas modalidades em favor de alternativas mais ágeis e econômicas, como o Pix.

O Declínio do DOC e TEC:

O Fim do DOC e TEC - Bancos Deixarão de Oferecer a Modalidade de Pagamento
O Fim do DOC e TEC – Bancos Deixarão de Oferecer a Modalidade de Pagamento

O DOC, criado em 1985 pelo Banco Central, foi uma opção tradicional para transferências entre contas bancárias. No entanto, segundo dados da Febraban, em 2022, as transações via DOC representaram apenas 3,7% do total de operações bancárias, indicando uma clara preferência por métodos mais eficientes, como o Pix. As transferências via Pix lideraram as operações, totalizando 24 bilhões, seguidas pelo cartão de crédito, cartão de débito, boletos, TED, cheques e, por último, o DOC, com 59 milhões de operações.

Razões para o Fim do DOC e TEC:

O surgimento do Pix, em novembro de 2020, revolucionou as transações financeiras no Brasil. O Pix oferece uma alternativa gratuita e instantânea, tornando-se a escolha preferencial dos clientes. Isaac Sidney, presidente da Febraban, destaca que tanto o DOC quanto o TEC perderam a preferência dos clientes devido à eficácia e custo-benefício superiores do Pix. Com a mudança de hábitos dos consumidores, os bancos optaram por encerrar essas modalidades para melhorar a experiência bancária.

Dados Estatísticos:

Para compreender o impacto, é essencial analisar os dados estatísticos divulgados pelo Banco Central em 2022:

ModalidadeNúmero de Transações (bilhões)
Pix24
Cartão de Crédito18,2
Cartão de Débito15,6
Boletos4
TED1,01
Cheques0,2028
DOC0,059

Fim do TEC:

Além do DOC, a Febraban também anunciou o fim das operações de Transferência Especial de Crédito (TEC), utilizada exclusivamente por empresas para o pagamento de benefícios a funcionários. Essa decisão reforça a mudança de paradigma em direção a métodos mais modernos e eficientes.

Prazo para Extinção:

Os bancos têm até 29 de fevereiro de 2024 para extinguir completamente as operações de DOC e TEC. Clientes (pessoa física ou jurídica) poderão realizar operações de DOC até 15 de janeiro de 2024, com agendamento até o fechamento do sistema para essas operações.

Leia Tambem:
Salário Mínimo 2024: Perspectivas, Impactos e Considerações

Conclusão:

O fim das operações de DOC e TEC marca uma transição significativa nas transações bancárias brasileiras. A decisão reflete a evolução tecnológica e a busca por métodos mais eficientes e econômicos. Os clientes são encorajados a adotar soluções modernas, como o Pix, para garantir uma experiência financeira ágil e alinhada com as tendências do setor. Essa mudança não apenas simplifica as transações, mas também fortalece a segurança e a conveniência para os usuários.

Com informações da Agencia Brasil

Categorized in: